MPA Brasil abre sua jornada nacional de lutas das mulheres camponesas.

8 de marzo de 2014

MULHERES EM LUTA POR DIREITOS E CONTRA A VIOLÊNCIA DO CAPITA L

mpa2.jpgCom este lema, o MPA Brasil abre sua jornada nacional de lutas das mulheres camponesas.

Como parte das comemorações do dia Internacional da Mulher vêm a público denunciar os problemas cotidianos das famílias camponesas que travam uma batalha diária pra sobreviver em comunidades aonde não chegou nem energia, nem PAA, onde o acesso à assistência médica é precário.

Mas nesses mesmos lugares longínquos, já chegou a extração de minério de ferro e a construção de uma imensa ferrovia para escoamento do minério, que ao passar arrasa comunidades e territórios imensos, desalojando pessoas, animais, derrubando casas, rachando cisternas, levando barreiros, barraginhas, levando sonhos, levando vidas.

As camponesas insistentemente vem questionando essa negação de direitos e violação de direitos e essa violência do capital sobre seus corpos, seus territórios, e suas vidas, com a sabedoria de estender isso pra toda sociedade, pois as mulheres nunca lutaram somente por si, mas por conquistas para a toda a sociedade. Por isso como parte da programação das comemorações do dia internacional da MULHER, estamos em luta, mas não uma luta de um dia só, mas uma luta permanente.

As comunidades camponesas assistem a 13 anos o fechamento de escolas nas comunidades camponesas,

O que obriga e arrasta as crianças até as cidades, em cima de caminhões e carros abertos, passando horas e horas em deslocamentos forçados. Por isso hoje, que antecede o dia internacional da MULHER, milhares de mães, irmãs, tias, avós se desafiaram e ocuparam as BR’S do Brasil, montando salas de aula no asfalto pra denunciar o descaso do país com nossas crianças.

Seguimos em luta

Posted in Uncategorized