Brasil: Vitória do Povo: Greve de Fome em todo País derrota Reforma da Previdência

No 10º dia de Greve de Fome, com mais de 40 militantes sem se alimentar contra a Reforma da Previdência, a luta e resistência dos trabalhadores e trabalhadora do campo e da cidade em todo País derrotaram a Reforma da Previdência nesta quinta-feira, 14 de dezembro, dia em que o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, em coletiva de imprensa anuncia o adiamento da votação proposta para dia 5 e votação para 19 de fevereiro de 2018. 

Nós, os Movimentos e Organizações Sociais estamos convictos de que à Greve de Fome e as manifestações que convulsionaram o Brasil de Norte à Sul nestes últimos dias foram os grandes responsáveis por essa conquista dos trabalhados do campo e da cidade que juntos, cerraram fileiras e protagonizaram mais essa conquista popular. 

A Unidade de Classe e o apoio da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), somados a visita do Cardeal Dom Sergio da Rocha aos grevistas na Câmara dos Deputados foram fundamentais para o processo de mobilização radical em defesa da vida. Pois como disse Dom Leonardo Steiner, secretário geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), “não se pode decidir sobre a vida do povo brasileiro ao redor de mesas de jantares é preciso ouvir o povo”. 

Nós os Movimentos do Campo e Cidade permaneceremos em luta constantes contra a retirada de direitos e iremos cerrar fileiras, em especial a caso essa reforma torne a ser colocada em pauta para votação novamente.

Posted in Uncategorized